image_pdfimage_print

Projeto Primeira Kartilia da Lingua Brazileira

Esta é uma tentativa, ou melhor, um esboço do que seria uma cartilha simplificada da “Primeira Kartilia da Lingua Brazileira“. O difícil é fazer simples para que qualquer um entenda e quanto menor o número de regas mais fácil vai ser o seu entendimento, portanto só deverá existir uma.


Regra única:
“Ao escrever uma palavra use sempre as letras que representam o som que foi usado para falar.”

Exemplos de emprego da regra:

  • Palavras onde se usa “S” com som de “Z” serão escritas com “Z”.h
    Ex: Meza.
  • Palavras onde se usa “C” com som de “K” serão escritas com “K”.
    Ex: Kaza (Residência) [ K em vez de C e Z em vez de S].
  • Assim como as começadas por “QU”, ficariam assim:
    Ex: KeroKero,  Kerida…
  • Palavras com som de “X” onde se usa “CH” serão escritas com “X”.
    Ex: Xave (Atuador da fechadura), Gauxo… [ X em vez de CH].
  • Palavras escritas com “Ç” passam a ser escritas com “S” simples visto que este agora não tem mais som de “Z”.
    Ex: Comesar.
  • A letra “H” no inicio de palavras, desaparece.
    Ex: oje, onra, etc.
  • O “LHI” desaparece e fica substituído pelo “LI”.
    Ex: Velinha.
  • Palavras com “L” no final, porem com som de “U”, escreve-se com “U”.
    Ex: Mau.
  • Palavras terminadas com “E”, porem com som de “I”, escreve-se:
    Ex: Juri [ tanto do tribunal como o do verbo jurar]
  • Palavras onde se usa “SS” passam a usar “S” simples.
    Ex: Casapa.
  • Para o caso de dúvida quanto usar “X” ou “S” use preferencialmente o “S”.
    Ex: Estrato [neste caso se for escrito com “x” não estará de todo errado].
  • Vogais solteiras devem ser acompanhadas por uma consoante;
    Ex; Adevogado, subistituído, recepitores…
  • Ifens nem pensar [parece-me que no português já existe algo parecido]
    Ex: Mataboram.
  • Os porquês teriam uma forma única de grafia: “porque”.
  • O caso do “ÃO” ser substituído por “AM” ainda esta em estudos mais profundos. Assim com excluir definitivamente o “W” e o “Y” que teimam em aparecer principalmente em nomes próprios de pessoas e produtos estrangeiros.

Estes são alguns dos exemplos, a contribuição dos seguidores e amigos é que poderá enriquecer a proposta.

Textos escritos, exemplificando a nova cartilha:

“Koizas de Gauxo!

 – Um dia destes eu estava centado na varanda de minha kaza la na xacara, pensando na vida e tomando um ximaram, quando o caxoro latiu e vi no orizonte, a kavalo, xegando uma vizita inesperada, logo fui avizando a minha espoza: vamos ter um convidado para o almoso.”

“Axo que tudo iria ficar mais cinples… e ainda poderíamos convidar para um descanso merecido todos akeles que ocupam os acentos das kadeiras da Academia Brazileira de Letras… ke em vez estarem pensando em modernizar a nosa lingua estam so tomado xa …”

Post (308) – Julho de 2017

Esta nosa lingua portuqueza !

hPost (265)

“1 dia destes eu estava centado na varanda de minha kaza la na xacara, pensando na vida e tomando um ximaram, quando o caxoro latiu e vi no orizonte, a kavalo, xegando uma vizita inesperada, logo fui avizando a minha espoza: vamos ter 1 convidado para o almoso.

Aki na sera, minha tera, sempre que isto acontece é praxe cervir para a vizita uma meza farta … ou na pior das ipotezes um kopinho de kaxasa… oje em dias estes abitos estam mudando, mas eu ainda os prezervo…”

Karos leitores, estes testos nam estam escritos de forma erada, mas tam cinplesmente de outra forma… menos ligada aos primordios da lingua portugueza.

Vejam voces… porke se uzar:

– o “S” com som de “Z”, se temos para iso o proprio “Z”;

– e o “S” onde deveria ser “C”;

– se deveria usar somente um “S” ao invez de “SS”;

— o “Ç” pode ser banido, temos o “S” para fazer a mesma funsam;

– 1 “R” no lugar de “RR”;

– e o “CH”, porke, se temos o “X”;

– “H” no inicio das palavras, nem pensar… de nada cerve;

– porke se usar “G” onde som é de “J” e “J” onde o som é de “G”;

– se pode uzar a letra “K” ao invez de “QU”;

– porke “M” antes de “B” e “P”, sera que alguem pode explicar;

– e cendo um pouco mais radical, abolir o “~”, quem sabe ate daria?

– e mais, tem um monte de regrinhas inuteis, tais como continuar com letra maiúscula após os “…”;

E asim por diante…

Axo que tudo iria ficar mais cinples… e ainda poderíamos convidar para um descanso merecido todos akeles que ocupam os acentos das kadeiras da Academia Brazileira de Letras… ke em vez estarem pensando em modernizar a nosa lingua estam so tomado xa …

Facilitarimos asim aos que oje estão iniciando o ceu proceso de alfabetizasam e outros como eu que as vezes trocam algumas letras…

Convido voces a pensar nisto … a proposito, porke tantos acentos e porke, os por kes e porkês ?

Texto de N.Geraldi