Respeito

image_pdfimage_print

Post (0010)

– Aprenda a observar, toda a manhã a natureza te ensina o retorno da vida.Indio 1

Este conselho fazia parte da filosofia nativa de algumas tribos do oeste norte americano.
Para eles a observação da natureza era uma das mais importantes regras da vida.
Levando-os a um profundo conhecimento da influência dos ritmos e ciclos de todas as formas de existência, traduzida em lições que sobreviveram ao tempo.
O imenso respeito que dedicavam à vida fez com que buscassem o reencontro com os ensinamentos e fluxos da natureza e com o seu próprio mundo interior.
Observando o ciclo na natureza eles perceberam sua conexão com o todo em que tudo, absolutamente tudo, esta interligado e é inseparável, o visível, o invisível, o corpo e o espírito.
Podemos fazer afloraras verdades que estavam no nosso intimo observando:
– Os ciclos de dia e noite que nos falam da ação e do descanso;
– O ciclo das águas nos ensina que a vida corre para aquilo em que nos concentramos, bom ou ruim;
– A superioridade de alguns animais que é o exemplo que temos para tomar-mos emprestado as características necessárias para dados momentos;
– A água, a terra e o fogo mostram-nos os múltiplos temperamentos;
– A luz e a sombra que apontam para a dualidade de toda a existência;
– O plantio, a colheita, a imponência das matas; …
Se soubermos observar e perceber a natureza, compreenderemos toda a sabedoria nela inserida e transmitida pelos seus seres, pelo vento, pelo trovão pela chuva, pela …
Na natureza cada ser possui seu território, cada um respeita o seu espaço e que só são invadidos em situação extrema de sobrevivência.
Os ameríndios sabiam muito bem como usar este conhecimento.
O homem moderno perdeu-se ao estancar, com barreiras de um racionalismo excessivo, sua conexão com a natureza, chegando a dizer que isto é bobagem.
Deixando de perceber que ao sairmos de nosso espaço tornamo-nos hóspedes de algum espaço alheio.

Fonte: Texto original de Débora F. Paludo publicado em um jornal local – Resumido.
NG Canela – Maio 2009

Sobre Norberto Geraldi

Residente em Canela / RS / Brasil - Aniversário 16 julho - Brasileiro - Casado
Esta entrada foi publicada em -Natureza, D.F.Paludo e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *